Aqui colocaremos os gatinhos que andam miando por aí para fazer deste festival o melhor possível! 

Júri

Keka Reis
 
Estudou rádio e televisão na UNESP e começou sua carreira na MTV dos anos 1990, onde escreveu, produziu e dirigiu programas de TV de diferentes tipos e formatos. Atua como roteirista freelancer desde 2006, integra a AC e já escreveu programas de TV, promos e séries para GNT, Nickelodeon, Nat Geo, Sony, Fox, Warner, TV Cultura, Cartoon Network e Gloob.
 
Entre os seus trabalhos, estão as séries Médicos (GNT), Osmar, A primeira fatia do pão de forma (Gloob), Descolados (MTV e Band), Missão pet (Nat Geo) e Plantão do Tas (Cartoon Network).
William Hinestrosa
 
Formado em Filosofia. Mestrando em artes visuais na Unicamp, desenvolve sua pesquisa em narrativas de curta-metragem e memória nas obras dos diretores Cláudio Marques e Marília Hughes (BA).
 
Entre 2005 e 2014 participou da Associação Cultural Kinoforum como coordenador dos programas brasileiros e membro do comitê de seleção do Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo e coordenador da pesquisa de conteúdo para o Guia Kinoforum de Festivais de Cinema e Vídeo. Professor na Escola Livre de Cinema de Santo André. Co-diretor do festival Goiamum Audiovisual, que acontece em Natal/RN.
Renata Druck
 
Formada em Cinema pela FAAP, atua em diferentes campos e formatos do audiovisual. Em TV, já dirigiu diversos programas, como a série É a vovozinha! (2010) vencedora do pitching Gênero Feminino da TV Brasil.
 
Também se dedica a realização de documentários, como os premiados Nasceu o bebê diabo em São Paulo (2002) e Um rio invisível (2009). Atualmente, coordena o programa de fomento ao documentário brasileiro Histórias que ficam.

Curadores

Victor Fisch
 
Roteirista, diretor, montador e professor, é mestre em roteiro pela EICTV (Cuba) e sócio da Trapézio Produções Culturais. Escreveu, dirigiu e montou, o curta-metragem “Onde Você Vai?”, que estreou no 43º Festival de Cinema de Brasília,  e ganhador do 22º Festival Internacional de Curtas de São Paulo, como melhor filme de diretor estreante em 2011.
 
É montador dos curtas “Tanatopraxisita” (2012), “Entre Latinhas” (2013). Co-dirigiu o “Auto-documentário I – O encontro” (2008) e as vídeo artes “Lanternas” (2013) e “Arquivo Familiar” (2008). Dá aulas pelas Oficinas Culturais Metropolitanas desde 2013.
 
Atualmente escreve seu primeiro longa-metragem “Formigas que Voam” com assessoria do roteirista Luís Bolognesi.
Bruno Cucio

 

Roterista, diretor, professor de cinema. Sócio da Travessia Filmes. Formado pela FAAP, já dirigiu e escreveu diversos vídeos e curtas metragens, como “Um Homem Satisfeito”, que estreou em 2015 no 26º Festival Internacional de Curtas de São Paulo; “Será(?)”, em 2012, vídeo realizado em parceria com o grupo de teatro Caixa de Imagens, e “Até Onde”, em 2014, filme exibido em festivais nacionais e internacionais.

 

Coordenou o projeto sócio educacional Circuito Cultural de 2010 a 2013. Atualmente dá aulas de cinema nas escolas Carandá Viva Vida, Oswald de Andrade, AIC, IED, e nas Oficinas Culturais Metropolitanas.