30/11 - 19h - Sessão Mostra do Vale 1


As sessões acontecem sempre no Teatro Teresa D’Avila, na Unifatea Avenida Doutor Peixoto de Castro, 539 - Lorena

O Cinefest Gato Preto divide as sessões da mostra competitiva em áreas do cinema, pensando na melhoria do debate.

Foi um grande prazer receber tantos filmes do Vale nesta edição do CInefest Gato Preto. Nesta sessão temos uma curta animação stop-motion de Cachoeira Paulista, “Estereótipo consumível dinheiro em massa”, aí uma sequência de filmes politizados, “É o que eu penso e é o que eu vejo”, de São José dos Campos, sobre a questão da moradia, “Deuteronômio 22”, de Caçapava e “Dress Code - Código de Vestimenta”, de Jacareí, sobre a cultura abusiva contra mulheres e por fim dois filmes que vão mais para o terror: "O Atalho", de Jacareí, da recorrente diretora Ana Rosenrot (a mesma de "Samantha") e "O Lago", de São José dos Campos. E termina com a estreia de um filme lorenense, “Almas de Aluguel - Enganado pelo destino”, um filme policial. Um panorama muito interessante da recente produção local.

19h - Sessão Mostra do Vale 1 - (84 min)

------------

“Estereótipo consumível dinheiro em massa”, de Antonio Ribeiro (2min) - Cachoeira Paulista

Sinopse:

Feito com materiais variados e realizado em preto e branco; que tem por tema a confusão e a voracidade que o consumismo desenfreado, e a necessidade de dinheiro pra alimentá-lo, provocam.

“É o que eu penso e é o que eu vejo”, de Arto Cavalcanti (25min) - São José dos Campos

Sinopse:

Três localidades e situações urbanas são apresentadas. Moradores, técnicos, lutadores revelam histórias de vida e de moradia, violações de direitos, ameaças de remoção e precariedades (muitas vezes não reconhecidas como tal) e trilham caminhos de resistência.

“Deuteronômio 22”, de Erico Luz (5min) - Caçapava

Sinopse:

Em um lugar pobre, distante e atemporal, a predominância da violência e da cultura do estupro faz ocorrer um milagre que levantará uma questão a respeito da doutrina de justiça, mas também sobre o ideal do livre-arbítrio.

--------------

“Dress Code - Código de Vestimenta”, de Marzia Gatto (2min) - Jacareí

Sinopse:

Ao voltar para casa, sozinha, à noite, uma estudante descobre o peso do Dress Code imposto pela sociedade.

“O Atalho”, de Ana Rosenrot (2min) - Jacareí

Sinopse:

Uma garota pega um atalho para a sua casa e se arrepende.

“O Lago”, de Danilo Morales (25min) - São José dos Campos

Sinopse:

Piero retorna ao lar de seus pais sanguineos, um hostil e inóspito vilarejo, onde pouco a pouco segredos vão sendo revelados.

Trailer:

https://vimeo.com/211708446

--------------

“Almas de Aluguel - Enganado pelo destino”, de Lucas Hendrigo (17min) - Lorena

Sinopse:

O destino não é um jogo de tabuleiro com seis possibilidades, o tempo pode ser uma tortura para algumas almas com grandes obsessões pela vingança. Torres Dias, é um policial depressivo com grandes problemas em sua vida, após a morte de Edgar, seu melhor amigo, o policial acaba caindo na depressão e no alcoolismo, no entanto, apesar do seu estado emocional e físico, o policial coloca seu trabalho à frente de tudo, até mesmo do seu bem estar, a procura de uma última resposta que possa satisfaze-lo.


Posts principais
Mais recentes
Arquivo
Siga o Gato
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon